Perfil Ronaldo Simão





Ronaldo pratica mergulho desportivo já há mais de trinta anos, embora não o tenha feito de forma contínua.

Também não começou cedo.

Aliás, a sua iniciação só se deu realmente muito cedo foi no trabalho, uma vez que conheceu esta atividade a partir dos primeiros anos da juventude.

Foi também o trabalho a razão por que não praticou de forma contínua nenhuma das outras atividades, especialmente as diversas modalidades de esportes que fez e ainda faz, agora, sim, de maneira mais intensiva.

Entre estas atividades, destacam-se não somente o mergulho desportivo, como também as atividades náuticas e aerodesportivas, uma vez que é mestre-amador e piloto de recreio.

A fotografia submarina não é profissão: na verdade, ela começou quando o mergulhador, artesão profissional da palavra, percebeu que, através dela, não lograria narrar, nem de longe, a intensidade da emoção do mergulho.

Então, o processo foi simples: se, pela palavra que tão bem conhecia, não conseguia transmitir toda a força da “adrenalina” do mergulho, por que não fazê-lo pela imagem?

Começou então a fotografar as “visões submarinas” de que desfrutava ao longo dos mergulhos. Daí para o site, foi apenas um pulo: afinal, se era preciso descrever as “visões”, importava fazê-lo para o maior número possível de interessados em “ouvi-lo”.

E foi assim que o site foi inaugurado, já nem bem se lembra a partir de quando.

Mas certamente, a partir de quando as viagens de mergulho foram-se intensificando, estimuladas também pela diversificação de seu trabalho, a princípio na área forense e, depois, na atividade de mediador de conflitos de interesses.

E como, afinal, tantos verdadeiros “feras” da foto submarina estão por aí, jamais pretendeu alcançar nenhum deles. A intenção ficou então restrita à idéia de mostrar as “visões” do mundo submerso, com o uso de equipamento simples e apenas amador.

Mas com total e absoluta liberdade e independente de qualquer padrão estético conhecido ou perseguido. A força motriz da idéia está – como sempre esteve – numa intenção apenas “descritiva” das “visões” através de uma estética de pura e incessante “busca”, sem o mais menor compromisso de “alcançar” o que quer que seja.

Com esta informação e feitas as ressalvas, seja você, visitante, super-bem-vindo...





Voltar